Secretaria da Cultura do TO realiza pagamento dos Editais Procultura 2013

497

A Secretaria da Cultura do estado do Tocantins (Secult), nesta terça-feira (25/08) encaminhou para a Secretaria da Fazenda (Sefaz) a solicitação da ordem de pagamento dos editais Procultura 2013. Nessa primeira etapa, 12 projetos irão receber 70% do valor total da premiação, sendo os outros 30% pagos em 2016.  Ao todo, serão pagos R$ 280.400,00 reais.

O secretário de Estado da Cultura, Melck Aquino, afirmou que os editais de 2013 começam a ser pagos mesmo com todas as dificuldades financeiras que passa hoje o Estado, “O governador Marcelo Miranda foi enfático em nos determinar que buscássemos a solução para o pagamento dos editais de 2013, pra que não continuássemos punindo artistas, produtores e empreendedores culturais que fizeram a sua parte”, declarou o secretário. A forma para que os pagamentos acontecessem foram ordenadas pelos secretários da Fazenda, Paulo Afonso e David Torres, do Planejamento.

Os projetos contemplados nesta fase são: Formação Inicial para o Teatro; Dancing Through Your Body; Temporada Popular de Teatro Tocantinense; Jornada Literária; Religiosidade e devoção: as festas do Divino e do Rosário, em Monte do Carmo – TO; Dramaturgias Curtas: Teatro para brincar e aprender; Festejo de Santos Reis: Fortalecimento cultural nas comunidades rurais de Correntinho e Duas Cabeceiras no Município de Fátima – TO; Móveis Artesanais em Buriti; Folia do Divino Espírito Santo; Projeto de geração de renda “Crescer”; Increr Catêjê; Tyrkre – A História do Primeiro Pajé.

Editais

Os editais de cultura foram lançados no final do ano de 2013, mas sua homologação só aconteceu em junho de 2014 pela gestão dos governos passados, que não efetivou o pagamento dos editais.

Pagamento dos Jurados

Os jurados que avaliaram os projetos dos editais Procutura 2013, que não haviam sido pagos pela gestão anterior, também foram pagos pela Secretaria de Estado da Cultura. Os pagamentos foram realizados no mês de julho, onde 22 pareceristas receberam pelos serviços prestados, totalizando R$ 77 mil reais pagos.

Autor: Fernanda Veloso/Governo do Tocantins/Foto: divulgação