Prefeitura oferta serviços para diagnóstico da Tuberculose

439

A Prefeitura de Boa Vista promove a partir deste sábado (23), uma programação especial alusiva à Campanha Mundial de Combate à Tuberculose. A abertura da campanha será realizada na Feira do Produtor, das 8h às 13h, com oferta de serviços e orientações sobre sintomas, prevenção e tratamento da tuberculose. O atendimento na Feira será desenvolvido em parceria com a Secretaria Estadual de Saúde (Sesau).

A partir de segunda-feira (25), todos os profissionais que compõem a Estratégia Saúde da Família (ESF) estarão envolvidos na campanha. A Prefeitura vai oferecer palestras educativas e o exame sintomático respiratório em todas as Unidades Básicas de Saúde (UBS) do Município.

Até o dia 4 de abril, a Prefeitura fará palestras educativas e exames para diagnóstico da doença, atendendo principalmente idosos e pessoas soropositivas, considerados públicos prioritários para prevenção da tuberculose. As atividades serão desenvolvidas nos Centro de Referência de Assistência Social (CRAS) e nas UBS. O objetivo é intensificar o trabalho de busca ativa, identificando novos casos e encaminhando os pacientes para tratamento de forma a bloquear a transmissão da doença.

 

“Esta é uma campanha de dimensão mundial e, em Boa Vista, vamos trabalhar no esclarecimento da população e no atendimento aos públicos que são mais vulneráveis à doença, desenvolvendo um trabalho especial com os idosos do programa Cabelos de Prata e os pacientes vítimas de HIV/Aids atendidos pela Associação de Luta pela Vida”, explicou a prefeita Teresa Surita.

 

Em 2012, a Secretaria Municipal de Saúde diagnosticou 70 novos casos da doença. A detecção de novos pacientes é fundamental para controlar a proliferação da doença. “Nossa meta é orientar a população sobre os sintomas da doença, permitindo a identificação de novos casos. Ao iniciar o tratamento, interrompemos a cadeia de transmissão da tuberculose, evitando que outras pessoas venham a adquirir a doença”, disse o secretário municipal de Saúde, Marcelo de Lima Lopes.

 

Doença – A tuberculose é uma doença infecto contagiosa causada por uma bactéria que afeta, principalmente, os pulmões. A transmissão ocorre de forma direta, de pessoa para pessoa, pela tosse ou espirro. O tratamento da tuberculose é feito com medicamentos e dura até seis meses. A Prefeitura oferece acompanhamento aos pacientes para evitar o abandono do tratamento e garantir a cura total da doença.

 

Programação

Sábado (23 de março)

Hora: 8h às 13h

Local: Feira do Produtor

Serviços: palestras educativas, atividades de saúde, exame para diagnóstico da doença.

Segunda (25 de março)

Hora: 8h

Local: Unidades Básicas de Saúde

Serviço: Palestras educativas e exame para diagnóstico da doença.

Hora: 9h

Local: CRAS Pintolândia, Cauamé e São Pedro

Serviços: palestras educativas, atividades de saúde, exame para diagnóstico da doença, distribuição da Caderneta do Idoso, verificação da pressão arterial e orientação sobre saúde bucal.

Terça (26 de março)

Hora: 8h30

Local: Unidades Básicas de Saúde

Serviço: Palestras educativas e exame para diagnóstico da doença.

Hora: 9h

Local: CRAS Pintolândia, Cauamé e São Pedro.

Serviços: Palestras educativas, atividades de saúde, exame para diagnóstico da doença, distribuição da Caderneta do Idoso, verificação da pressão arterial e orientação sobre saúde bucal.

Hora: 15h

Local: Associação de Luta pela Vida. Rua Buritis, 605 – 13 de setembro.

Serviços: Palestras sobre sintoma e prevenção da doença.

 

Quarta (27 de março)

Hora: 8h30

Local: Unidades Básicas de Saúde

Serviços: Palestras educativas e exame para diagnóstico da doença.

 

Hora: 9h

Local: CRAS do bairro Dr. Sílvio Leite. Rua Marieta de Melo Marques, nº 86.

Serviços: Palestras educativas, atividades de saúde, exame para diagnóstico da doença, distribuição da Caderneta do Idoso, verificação da pressão arterial e orientação sobre saúde bucal.

Segunda (04 de abril)

Hora: 9h

Local: CRAS Centenário. Rua Santo Agostinho, nº 173b.

Serviços: Palestras educativas, atividades de saúde, exame para diagnóstico da doença, distribuição da Caderneta do Idoso, verificação da pressão arterial e orientação sobre saúde bucal.

 

Ascom:PMBV/foto:ilustrada