MTST/RR recebe com indignação mandado de reintegração de posse

358

“É desumano retirar 50 famílias desta área”

Os moradores do assentamento Augusto Mariano receberam na tarde desta terça-feira (16) a decisão da justiça pela reintegração de posse conforme Processo nº07075000-50.2011.823.0010 da área para Dori Empreendimentos Imobiliários Ltda. Os moradores têm 24 horas para sair da área, do contrario serão despejados.

O Movimento dos Trabalhadores Sem Teto de Roraima/MTST/RR, de imediato pediu apoio ao deputado estadual Ivo Som (PTN) para ajudá-los, na aquisição de um advogado, onde foi atendido pelo parlamentar, que indicou um advogado para suspender o processo de reintegração de posse.

De acordo com a presidente do MTST, Maria Ferraz, essa luta já vem de algum tempo, “a área que o Dori está pleiteando pertence à União, eu não sei por que ele insisti numa coisa que não pertence a ele. Temos documentos comprovando que a área é da União. E outra coisa nós não invadimos terra, estamos aqui por que o ex-prefeito Iradilson Sampaio, na época prefeito de Boa Vista, fez a transferência das famílias para este local, dizendo que seria provisório isso já fazem  quarto anos”  explicou Ferraz.

A Secretaria de Patrimônio da União- SPU vai atender uma comissão do MTST, na manhã desta quarta-feira, para analisa o mandado de reintegração de posse.

Ascom/MTST/Fotos