Mês da Primavera: Setembro começa com dois Ciganos vítimas de Covid-19

220

O Instituto Cigano do Brasil-ICB, neste momento de dor e reflexão, presta sua mais sincera solidariedade aos Ciganos Diego e Albéricle, além dos familiares e amigos, vítimas da Covid-19, e da maior crise sanitária e humanitária que o Brasil e o mundo já enfrentou.

De acordo com o ICB, São perdas irreparáveis devido a COVID 19,totalizando trinta e um ciganos no Brasil, acreditamos que é número é bem maior. Estamos muito tristes com esta notícia. Que Deus conforte o coração das famílias.

O mês da primavera começa com dois Ciganos duas vítimas de Covid-19, o primeiro caso aconteceu na cidade de Petrolina-PE, no dia (1º/9), o cigano Diego, 28 anos, deixou mulher e uma filha, ele lutou por 30 dias e não resistiu.

Nesta quarta-feira (2/9), o cigano Albéricle Cabral Nunes, 39 anos, morreu vítima de complicações causadas pelo Covid-19, na cidade de Várzea Grande.

Deixou esposa, dois filhos e muitos amigos. Cigano Albéricle era gestor de território da empresa Martins Comércio e pertencia a comunidade Calon do município de Rondonópolis (MT)

O enterro aconteceu nesta quinta-feira (03.09), às 10horas, no Cemitério Vila Aurora, em Rondonópolis.

Autor: Ascom/ICB