Deputada Érika Amorim debate feminicídio em encontro virtual do PSD Mulher

91

A deputada estadual Érika Amorim (PSD) participou, na tarde desta quarta-feira (17/03), de um importante debate com a temática “Precisamos falar sobre feminicídio”. Organizado pelo núcleo feminino do partido, o encontro ocorreu de forma online e contou com uma palestra informativa da parlamentar.

“Este é um tema urgente e debatê-lo é fundamental para revertermos os alarmantes índices. Analisamos os dados da Rede de Observatórios da Segurança. O levantamento atesta 47 casos de feminicídios no nosso estado no último ano, uma média de quatro crimes por mês – muitos cometidos por cônjuges, namorados ou ex-parceiros”, frisou a deputada.

De acordo com ela, o período pandêmico elevou os casos de violência doméstica e feminicídio. “Como as mulheres estão confinadas com seus agressores e distantes do seu ciclo social, os riscos para elas são cada vez maiores. É por isso que precisamos falar cada vez mais sobre o assunto: incentivar que as mulheres nessa situação quebrem o silêncio. Encorajar que a denúncia seja feita”, disse.

Durante a ocasião, Érika destacou o Projeto de Lei nº 282/2019, de sua autoria, que dispõe sobre a prioridade de atendimento às mulheres vítimas de violência nas unidades de saúde na rede pública e privada do estado. “O nosso mandato sempre esteve e sempre estará à disposição de todas as mulheres cearenses, sendo voz e representatividade, principalmente nestes casos de maior vulnerabilidade”, finalizou.

Além da palestra da deputada, o encontro contou com explanações da psicóloga Ângela Lupo e da assistente social Beatriz Pakrauskas.

Autor: Da redação com Ascom/Foto: Divulgação