MPCE promove evento e convida novos municípios para aderirem ao projeto Vidas Preservadas

392

O Ministério Público do Estado do Ceará (MPCE), inicia mais uma etapa do projeto “Vidas Preservadas: de MP e a sociedade pela prevenção do suicídio” o . Na próxima sexta-feira, 22, um grande lançará a edição 2019, com a intenção de firmar novas parcerias com municípios e estimular outras ações voltadas para o tema. O encontro tem como público-alvo gestoras públicos, profissionais de saúde, da assistência, da educação, bem como o público em geral, que inclui as pessoas que vivenciaram casos de suicídio na família. A programação será realizada das 8h às 17h, no auditório da Sec. de Desenvolvimento Social de Fortaleza, situado na rua Padre Pedro Alencar, 2430 – Messejana.

No ano passado, 48 municípios aderiram ao Vidas Preservadas. Para esse ano, além de ser dada continuidade ao acompanhamento desses primeiros municípios, foram convidados mais 60 municípios para aderirem ao projeto. Ao longo de todo dia, o público irá participar de palestras e da capacitação: “Guardiões da Vida”, voltada para cidadãos interessados em se tornarem agentes de prevenção do suicídio no meio social em que transitam. O evento também terá a entrega de um manifesto à sociedade cearense que traz 11 pontos fundamentais para o surgimento de uma verdadeira política de prevenção do suicídio no Estado.

Após credenciamento e abertura, um painel trará o palestrante Carlos Henrique Aragão Neto, psicólogo, psicoterapeuta, mestre em Antropologia e doutorando em Psicologia Clínica, que apresentará o tema “A relação entre a automutilação e o comportamento suicida”.

Ainda pela manhã, três palestras abordarão o tema “Estratégias de prevenção do suicídio para grupos de risco específicos”. Na primeira a palestrante Talita Estrela (psicóloga clínica bilíngue – acessível em libras – e colaboradora do PRAVIDA) enfocará a prevenção para os surdos; na segunda a prevenção para o público LGBT será analisada por Ana Cristina Rodrigues Bastos (militante e pesquisadora nas pautas LGBT, suicídio e saúde mental); e, por fim, virá a importante prevenção para as pessoas idosas, que ficará à cargo de Juliana Fernandes Eloi (psicóloga clínica e do desenvolvimento, professora universitária e coordenadora do Centro Sapienza). A programação da manhã se encerra com um debate entre os palestrantes.

Após o almoço, os participantes do evento receberão a capacitação “Guardiões da Vida”, promovida por Alessandra Xavier, professora do curso de Psicologia da UECE e doutora em Psicologia Clínica.

Sobre o Vidas Preservadas

O Projeto Vidas Preservadas tem como missão contribuir para a prevenção do suicídio no Ceará, através da ação conjunta entre o MP e a sociedade. Para tanto, uma das linhas de atuação envolve capacitações, como, por exemplo, o “Planejamento Estratégico do projeto Vidas Preservadas para os Municípios”. Essa capacitação busca sensibilizar e habilitar gestores e técnicos municipais para construção e aprovação do Plano Municipal de Prevenção, Intervenção e Posvenção do Suicídio.”

Serviço:

Lançamento Vidas Preservadas – 2019

Data: 22 de março de 2019

Horário: das 8h às 17h

Local: rua Padre Pedro Alencar, 2430 – Messejana

Inscrições: http://ieducar.mp.ce.gov.br/ieducar/mudancas/reserva_evento_cad.php?evento=588

Programação: http://www.mpce.mp.br/wp-content/uploads/2019/03/folder_vidas_2019.pdf

Autor: Da redação com ascom/Foto: divulgação