Investigações levam a Polícia a apreender quatro veículos e toda a mobília de uma residência

559

Uma ação conjunta da Polícia Civil e Militar de Roraima terminou na apreensão de quatro veículos e toda a mobília de uma residência furtada no mês de julho no bairro Cinturão Verde, Zona Oeste de Boa Vista.

De acordo com informações prestadas pelo delegado plantonista, Francisco Araújo, uma equipe da Polícia Militar foi acionada na noite de ontem, 05, pelo publicitário O. G. S, 32, informando que havia localizado o veículo Gol, de cor branca, de placas NAO-8769, furtado na madrugada do dia 13 de julho e que pertence a seu amigo, o empresário J. P. R. S., 30. O veículo estava em uma oficina mecânica localizada no bairro Tancredo Neves.

O proprietário da oficina, C. C. O., 33 informou aos policiais que o veículo foi guinchado para o local, pois teve falhas mecânicas. Segundo ele, há 15 dias, havia sido procurado por Edvaldo da Silva Firmino, apelidado de “Corrente”, pedindo para verificar qual o problema em “seu” carro que estava com falhas elétricas. Ele disse que não imaginava que o veículo fosse furtado, pois o cliente disse tê-lo arrematado em um leilão.

Os policiais procuraram a casa do suspeito, localizada no bairro Santa Teresa, mas não o encontraram. Entretanto, na residência identificaram sua ex-esposa P. A. F. B., 28, e no local todos os móveis e eletrônicos furtados da residência do empresário J. P. R. S.

“Inicialmente ela disse que os objetos eram seus, mas o empresário que acompanhava toda a ação reconheceu seus pertences e como a mulher não tinha nota fiscal, tudo foi apreendido”, disse o delegado.

Quando os policiais ainda estavam na residência de P. A., no bairro Santa Teresa, os vizinhos os alertaram que havia um gol vermelho estacionado nas proximidades e que estava em posse de Edvaldo Firmino.

O veículo era um Gol vermelho de placa JWR-4298. Foi constatado que a placa do veículo pertence a um Gol cinza, que também tem restrição de furto e que a placa verdadeira do Gol vermelho, NAI-1698, que foi encontrada dentro do automóvel é referente a um Gol bege, também com restrição de furto.

O Gol de placa NAI-1698 pertence a um policial Civil e foi furtado no dia 02 de agosto, no bairro Cidade Satélite. Os policiais descobriram que Edvaldo Firmino o pintou de vermelho no quintal de sua casa e trocou as placas para dificultar sua identificação.

As diligências continuaram durante a noite e a madrugada desta terça-feira, 06. Segundo o delegado Francisco Araújo, os policiais conseguiram localizar mais uma oficina mecânica, no bairro Tancredo Neves, pertencente a V. P. S., onde foram apreendidos um Gol de cor prata, de placa JWN-1471 e uma Pampa vermelha, com suspeita de adulteração de chassi.

O Gol prata foi furtado no dia 20 de julho, no bairro Jardim Olímpico e pertence ao autônomo F. A. B. A. Segundo a vítima, por várias vezes procurou seu veículo em algumas oficinas mecânicas, após o furto, mas ficou surpreso ao receber um telefonema do delegado Francisco Araújo informando que o havia recuperado na noite de ontem.

O delegado disse ainda que o suspeito Edvaldo Firmino teria dito a familiares que os móveis não eram furtados e que teria comprado em uma loja de móveis usados.

COMPARSA – Durante as investigações, os policiais localizaram também o técnico em informática Mailton Hyarlen Teles de Oliveira, 18 anos que confessou em interrogatório ter furtado a casa do empresário J. P, durante uma madrugada do mês de julho, sem precisar a data.

Ele confessou que foi “convidado” por Edvaldo Firmino a cometer o crime. Eles arrombaram a residência e levaram os objetos em mais de duas viagens na carroceria do veículo Montana, que estava na garagem da casa.

APREENSÃO – A ação conjunta das Polícias resultou na apreensão de quatro carros furtados, sendo três gols e uma pampa; um fogão; um jogo de sofá; uma geladeira; uma máquina de lavar; uma motocicleta elétrica infantil; um corta gramas; um home theater; um televisor de 46” e outro de 20”; uma mesa de vidro com seis cadeiras; uma mesa de centro; um rack; um violão e um Playstation.

O delegado Francisco Araújo entendeu que os proprietários das oficinas estavam fazendo o trabalho na boa fé e que desconheciam que os veículos furtados. Quanto ao acusado Mailton de Oliveira, ele vai responder ao inquérito em liberdade, pois a data do crime não permitia mais a prisão em flagrante.

O caso foi repassado para o Núcleo de Roubos e Furtos de Veículos Automotores Terrestres (NRRFVAT), que vai dar continuidade às investigações e às diligências para localizar o suspeito Edvaldo Firmino.

“Quero agradecer o apoio da Polícia militar, parabenizar minha equipe pelo empenho e esforço. Foi um excelente trabalho e contou com a ajuda das vítimas o que nos permitiu recuperar outros objetos furtados”, disse o delegado Francisco Araújo.

Ascom/Sesp