Gestantes de Caucaia continuam com atendimento pré-natal

77

O atendimento pré-natal para gestantes de Caucaia continuam normalmente nas 45 Unidades de Atenção Primária à Saúde (UAPS) do município. No total, 3.800 gestantes estão cadastradas na rede pública de saúde de Caucaia para o atendimento. “Estipulamos como regra a gestante entrar na unidade de saúde utilizando máscara. Se ela não tiver, entregamos uma”, conta Vilalba Carlos, coordenadora da Atenção Primária do município.

A Prefeitura de Caucaia já distribuiu mais de 100 mil máscaras reutilizáveis de tecido como forma de prevenção à proliferação do novo coronavírus na cidade. As consultas do pré-natal estão acontecendo normalmente a cada mês. “Elas são atendidas por um médico ou por um enfermeiro. Dependendo do nível de risco da gestação, as consultas são a cada 15 dias”, comenta.

Segundo Vilalba, as gestantes são consideradas um grupo de risco diante da pandemia. “E o seu cuidado durante a gestação deve ser seguido em risca pelas equipes de saúde da família para que ela chegue aos nove meses com todos os padrões de atendimento regados pelo Ministério da Saúde. Tratamos as gestantes com prioridades, pois é o começo da vida”, ressalta.

Mulheres que estão com suspeitas de gravidez, podem se dirigir a qualquer unidade de saúde de Caucaia, onde serão avaliadas e encaminhadas para realização de exames que atestem a gestação. “Se o exame der positivo, ela é cadastrada na unidade de saúde para participar do fluxo de atendimento como preconiza o Ministério da Saúde. Este momento é muito importante diante da situação que estamos passando de pandemia com o novo coronavírus. Estamos em atenção com nossas gestantes e tomando todos os cuidados necessários”, finaliza Vilalba.
Autor: Da redação com ascom/Foto: ascom