Fique em Casa: Em reunião com direção do Hospital São Raimundo, equipe do Governo de Várzea Alegre define estratégias de combate ao Coronavírus

71

O prefeito de Várzea Alegre, Zé Helder (MDB), o vice-prefeito Dr. Fabrício Rolim (DEM), o secretário de Saúde, Ivo Leal e equipe técnica, e o chefe de Gabinete, Dr. Batista Jr, se reuniram nesta manhã deste sábado (21/03), com a direção do Hospital São Raimundo Nonato. O assunto da reunião foi o fluxograma de atendimento de pacientes diante da pandemia do Coronavírus, definindo como serão as avaliações nos PSFs e os encaminhamentos, dependendo do quadro do paciente, para tratamento domiciliar ou hospitalar.

Pacientes com sintomas de gripe comum – com coriza, febre alta e dor de garganta, por exemplo, podem ser tratados em suas casas. Já pessoas com quadros agravantes, que além dos sintomas da gripe comum, apresentem dores pelo corpo, febre, falta de ar e alguns casos, diarreia, que são sintomas sugestivos para Coronavírus, deverão ser encaminhados para o hospital, que já tem área reservada para isolamento e acompanhamento desses pacientes.

O prefeito disse que há quatro leitos reservados para acompanhamento da Covid-19, e caso haja necessidade, essa área de isolamento do hospital poderá ser ampliada. Estrutura do CAIS Pelo planejamento, num cenário extremo, que é esperado que não aconteça com as medidas de isolamento que estão sendo tomadas, o prefeito disse que a unidade de Saúde do Centro de Assistência Integral à Saúde – CAIS, na Rua Figueiredo Correia, será utilizada para atender a população.

Equipe volante Zé Helder anunciou que como estratégia foi criada uma equipe de saúde volante, composta por médico e enfermeira para orientar, via telefone, as famílias, e caso haja necessidade de atendimento, a equipe irá em domicílio. Segundo Ivo Leal, também foi anunciado a continuidade das ações educativas de prevenção por meio das redes sociais e carros de som pelas ruas da cidade.

Autor: Da redação com ascom/Foto: Augusto César