Banco de Alimentos de Caucaia distribui 100 toneladas de produtos por mês

87

O Banco de Alimentos de Caucaia, vinculado à Secretaria Municipal de Desenvolvimento Social (SDS), chegou à marca de 100 toneladas de alimentos distribuídos por mês, por meio do Programa de Aquisição de Alimentos (PAA).

O Programa compra vários produtos, entre banana, macaxeira e ovos caipiras, de 167 produtores de Caucaia e distribui para 44 instituições cadastradas, além dos dez Centros de Referência da Assistência Social (Cras), os dois Centros Especializados da Assistência Social (Creas), o Abrigo Domiciliar, o Centro de Referência Especializado para População em Situação de Rua (POP), o Hospital Municipal Dr. Abelardo Gadelha da Rocha e a Maternidade Santa Terezinha.

Os alimentos são produzidos por agricultores quilombolas, indígenas e integrantes do Programa Agricultura Familiar. Do total, 77 são produtores orgânicos certificados. “Os produtos que estamos distribuindo são naturais, sem agrotóxicos. Estamos levando alimentos de qualidade para as nossas crianças e diversas instituições”, comenta Edmilson Soares, coordenador do Banco de Alimentos. “Durante a pandemia, nossos trabalhos não pararam”, afirma.

O Banco de Alimentos de Caucaia também desenvolve o PAA Leite, que distribui 4.800 mil litros de leite toda semana para 63 instituições, incluindo 21 escolas municipais. As distribuições são feitas duas vezes por semana. Além de abrigar a Diretoria de Segurança Alimentar e Nutricional (SAN) da SDS, a sede do Banco de Alimentos também é utilizada para palestras e treinamentos voltados à alimentação saudável.

REFORMA
O Banco de Alimentos recebeu obras de reforma na sua estrutura, garantindo mais qualidade e agilidade no atendimento de produtores e entidades que utilizam o equipamento. Além da nova pintura, a Prefeitura de Caucaia realizou a revitalização dos muros da sede e a troca do sistema elétrico do prédio. “Com a reforma, poderemos trabalhar de forma mais rápida e prática no escoamento da produção do agricultor familiar e, ao mesmo tempo, no repasse destes produtos às instituições cadastradas”, comentou a titular da pasta, Ana Cristina.

Autor: Da redação com ascom/Foto: ascom