Júnior Araújo solicita informações sobre furto de leite humano no Hospital Regional de Cajazeiras

151

O deputado Júnior Araújo (PSB) fez um pedido de informações à Secretaria de Estado de Saúde e à Direção do Hospital Regional de Cajazeiras sobre o furto de leite humano ocorrido no Banco de Leite da instituição.

O requerimento, de número 151/2024, recebeu destaque do líder da maioria, Wilson Filho (Republicanos), e gerou manifestações dos parlamentares sobre a necessidade de esclarecimentos.

Júnior Araújo ressaltou a importância de obter informações oficiais para esclarecer o destino do leite humano furtado, que era destinado ao suprimento das necessidades dos recém-nascidos na maternidade.

“Vou aguardar a resposta oficial tanto da Secretaria de Estado quanto da direção do hospital para confrontar as versões e garantir transparência sobre o caso. O destino, quem recebeu e quem as pessoas que usufraram leite humano, leite materno, que era um uso exclusivamente interno do banco de leite para suprir as necessidades dos bebês que nascem na maternidade, inclusive, a maternidade que nasci também”, disse.

O furto, que foi amplamente noticiado na imprensa paraibana, envolveu o desaparecimento de mais de quarenta potes de leite humano, que ainda não haviam sido processados e classificados como aptos ao consumo, representando um risco para os recém-nascidos caso fossem ingeridos.

Outros parlamentares também manifestaram preocupação, como Cida Ramos (PT), que questionou a falta de informações prestadas à população sobre o andamento das investigações, enfatizando a necessidade de transparência.

Walber Virgolino (PL) destacou a gravidade do ocorrido e sugeriu até mesmo a convocação do secretário de saúde para prestar esclarecimentos.

George Moraes (UB) lamentou a falta de respostas aos requerimentos de informações aprovados pela Assembleia Legislativa, especialmente no contexto da Secretaria de Saúde, onde, segundo ele, há mais interesse político do que administrativo por parte do secretário.

A deputada Dra. Paula (PP) destacou a importância de esclarecer falhas para buscar soluções que beneficiem a população.

Atuação parlamentar:

Júnior Araújo é também autor do projeto de lei 11.660/2020, Agosto Dourado, mês alusivo ao incentivo ao aleitamento materno.

Autor: Da redação com ascom/foto: divulgação