Instituto Cigano do Brasil encaminha denúncias de racismo e preconceito contra Ciganos

809

Racismo é crime. Não se cale, denuncie!

Alguns donos de pousadas e hotel da região Caldas do Jorro distrito da cidade de Tucano-BA, vem de uma forma preconceituosa e de racismo, proibido famílias ciganas de hospedar, segundo algumas famílias Ciganas essas atitudes vêm sendo corriqueiras, por essas razões procuraram o Instituto Cigano do Brasil-ICB.

Na última sexta-feira (29/04), uma família de ciganos pagou a hospedagem no Hotel Pousada do Jorro, quando o dono não aceitou a família no local, e devolveu o dinheiro via PIX, causando constrangimento na família, além do preconceito e racismo.

De acordo com o presidente do ICB e conselheiro nacional de promoção da igualdade racial, cigano Rogério Ribeiro, “As famílias Ciganas, vivem em constante clima de terror, a ponto de não se sentirem seguros nem mesmo dentro de suas próprias casas” destacou.

Repudiamos veementemente atos dessa natureza são incompatíveis e absolutamente inaceitáveis. O ICB luta pela dignidade humana e por uma sociedade igualitária, e nunca deixará de combater ações de violência e crimes de ódio e discriminação.

O Instituto Cigano do Brasil-ICB, tomara todas as providências para apurar o fato, inclusive já encaminhou a denúncia desse ato deplorável e que seja punido exemplarmente com todas as medidas cabíveis.

O local

Caldas do Jorro é muito famoso pelas suas fontes de águas térmicas. O lugar atrai diversos turistas que ficam entusiasmados principalmente com as propriedades medicinais das águas da Estância Hidromineral.

Autor: Ascom/ICB