Vereadores de Iguatu entram em consenso e antecipam a última sessão ordinária do ano

317

A última sessão ordinária de 2015 ficou marcada para a próxima segunda feira (21) às 9h da manhã.

A sessão ordinária da Câmara de Vereadores de Iguatu-CMI, desta terça-feira (15), foi presidida pelo vice-presidente, vereador Rômulo Fernandes (PT). No pequeno expediente e durante a sessão os vereadores da bancada de oposição destacaram a tentativa de macular conta o Poder Legislativo de Iguatu, onde antecipadamente um grupo de políticos fazia alcançaras desafiando os vereadores que hoje faz parte da bancada de oposição e a própria Casa de Leis que se tornou Independente.

O vereador Mario Rodrigues (PROS), usou a palavra no pequeno expediente para sugerir que a sessão do dia 22, seja antecipada para o dia anterior, onde por unanimidade todos os vereadores presentes concordaram, o vereador Marconi Filho (PT), concordou e fez uma ressalva por ter outro compromisso não vai poder participa da sessão.

O líder do prefeito, vereador Nélio Bezerra (PSDB), fez uma dura imposição “Não votamos em hipótese nenhuma sobre loteamento nesta casa”.

Projeto FUNDEB

O presidente da sessão, Rômulo Fernandes não cedeu à pressão da bancada de situação que fizeram vários coros para que o projeto fosse votado, porém o presidente foi taxativo “vou coloca na próxima sessão” para a frustração dos vereadores governistas.

Autor/Foto: Rogério Ribeiro