Várzea Alegre volta a liderar geração de empregos formais no Ceará

105

Mais empregos gerados na cidade de Várzea Alegre destacam o município no Ceará e na região do Cariri na abertura de vagas formais de trabalho.

De acordo com dados do Cadastro Geral de Emprego e Desemprego (Caged), divulgados na última sexta-feira (22/03), Várzea Alegre gerou 345 empregos com carteira assinada no mês de fevereiro. Juazeiro do Norte vem depois de Várzea Alegre, com a confirmação de 199 empregos com carteira assinada.

Também tiveram saldo positivo na geração de trabalho formal as cidades de Tauá (85), Quixeramobim (71), Morada Nova (66) e Paracuru (61).

Quando a observação do Caged verifica o cenário da geração de emprego no Ceará, confere que houve perdas de 375 vagas formais no mês de fevereiro.

Entre os municípios que mais perderam postos de trabalho em fevereiro, destacam-se Limoeiro do Norte (-262), Aquiraz (-204), Aracati (-184), Fortaleza (-165), Horizonte (-120), Eusébio (-117), Sobral (-107) e Maracanaú (-100).

Para o Caged o comércio teve o pior desempenho em fevereiro, com o fechamento de 1.210 postos de trabalho. Logo em seguida aparecem a agropecuária e os serviços industriais de utilidade pública, que perderam 463 e 87 vagas, respectivamente.

Cinco setores tiveram resultado positivo em fevereiro. Serviços, com ganho de 764 vagas, administração pública (438), indústria de transformação (114), construção civil (56) e extrativa mineral (13).

 Autor: Da redação com Ascom/Foto: Divulgação