Um olhar para a população cigana: Asprecce abre diálogo com a FATENE

297

Na manhã desta quarta-feira (11/07), uma reunião entre a Associação de Preservação da Cultura Cigana do Estado do Ceará- (ASPRECCE), e a Faculdade Terra Nordeste (FATENE) de Caucaia, abre diálogo sobre a presença da cultura cigana no município e as possibilidades de parceria com a FATENE. A coordenadora de extensão Conceição Reis juntamente com as coordenadoras dos cursos de Enfermagem e Serviço Social, Pâmela Campelo e Diana Vanessa, recepcionaram os representantes da Associação, que estiveram presentes o presidente cigano calon Rogério Ribeiro, a Secretária Renata Célia, e Representante da CEPIR-PB (Conselho Estadual de Promoção da Igualdade Racial da Paraíba), a cigana calin Maria Jane, que também é conselheira do CNPCTs (Conselho Nacional de Povos de Comunidades Tradicionais), que está no Ceará em visita ao povo cigano do estado.

Na oportunidade o presidente da Asprecce, Rogério Ribeiro destacou as ações da associação e está com muitas expectativas com a nova parceria com a Fatene, “Estamos trabalhando no sentido de firmar parcerias com instituições públicas e privadas, nacionais e internacionais, visando dotar a população cigana  infraestrutura e melhores condições de vida”

Para à representante dos Ciganos da Paraíba, a cigana calin Maria Jane, destacou “Exemplo de parceria exitosa nesse sentido, a Asprecce vem desenvolvendo um excelente trabalho no Ceará para o povo cigano”

De acordo com a secretária da Asprecce, Renata Célia, “Ressalto a importância social das ações que serão desenvolvidas em Caucaia para a população cigana, na melhoria da qualidade de vida e do aprendizado, investindo na saúde, na assistência social, na cultura, e outras políticas públicas.” destacou Renata.

Na reunião as coordenadoras da FATENE viram positivamente essa parceria e criaram a possibilidade de inserir a discussão sobre etnias em disciplinas de Saúde, Espiritualidade, Cultura e Paz, Ações Afirmativas, Cultura Indígena e Negra, em como em disciplinas dos diversos cursos da FATENE.

Os encaminhamentos que foram estabelecidos à reunião foram:

  • Ações de prevenção em saúde para população cigana de Caucaia;
  • Seminários sobre as formas de vida e cultura cigana
  • Ações e parcerias com a ASPRECCE e FATENE
  • Inserção da cultura cigana nas disciplinas dos cursos da FATENE
  • Grupos de estudos e pesquisa sobre etnias.

Autor/Fotos: Ascom/Asprecce