SAMU 192 Ceará recebe 28 novas ambulâncias

166

Vinte e oito novas ambulâncias para atender a população cearense com mais agilidade e segurança. A renovação da frota do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU 192 Ceará) foi anunciada hoje pelo Governo do Ceará, durante a entrega dos veículos na manhã deste sábado (30/06), no bairro Moura Brasil, em Fortaleza. “A gente investe por ano no custeio e pagamento de pessoal do SAMU 192 Ceará cerca de R$ 100 milhões anuais e a renovação da frota foi um reconhecimento ao trabalho de qualidade e eficiente que o SAMU Ceará realiza. São verdadeiros anjos de azul até com aeromédico, já atendemos inclusive outros estados quando fomos demandados”, afirmou o governador Camilo Santana durante a solenidade, que também contou com a presença do secretário da Saúde do Estado, Henrique Javi, entre outras autoridades.

As novas Unidades de Suporte Básico (USB) contemplam 25 municípios: Capistrano, Eusébio (2), Guaiuba, Itapipoca (2), Maracanaú (2), Maranguape, Paracuru, Pentecoste, Redenção, São Gonçalo, Cascavel, General Sampaio, Icapuí, Itapajé, Ocara, Pacatuba, Paraipaba, Horizonte, Pacajus, Aracati, Aracoiaba, Baturité, Beberibe, Caucaia, Chorozinho.

 

Mulheres no SAMU

Cerca de 70% dos profissionais do SAMU são mulheres. Elas estão em todas as funções, inclusive naquelas em que os homens ainda são maioria. Claudevânia da Silva (28 anos), Savanna Façanha (25 anos) e Gisele Veras (36 anos) conduzem veículos que levam o socorro aos cearenses de Pacajus e de Caucaia.

Claudevânia e Savanna integram a equipe de cinco condutores de ambulâncias em Pacajus. “É extraordinário porque, quando a gente salva vidas, tudo é muito gratificante”, diz Savanna. Além de correrem contra o tempo para prestar atendimento de urgência, elas também lutam juntas contra eventuais situações de preconceito. Quando são chamadas para os atendimentos, mostram que as mulheres podem exercer qualquer trabalho. “A gente vai, veste a blusa do SAMU e é para confiar”, ressalta Savanna.

Gisele Veras, técnica de enfermagem e graduanda de enfermagem, chega primeiro às emergências. Ela guia uma motolância do SAMU 192 Ceará em Caucaia e começa os procedimentos de socorro enquanto a ambulância chega. São minutos que podem ser fundamentais, como no caso de uma criança de dois anos com convulsão que ela atendeu neste ano. A motolância chegou oito minutos após o chamado. A criança foi atendida imediatamente. Sete minutos depois, a ambulância do SAMU 192 Ceará levou a criança ao hospital. Em Caucaia, há seis condutores que se revezam no atendimento com duas motolâncias.

Ampliação da cobertura

“Nossa meta é universalizar o atendimento do SAMU para os 184 municípios cearenses. É um desafio diante do momento em que o Brasil vive, mas enquanto há estados diminuindo os serviços de saúde o Ceará está ampliando”, destacou o governador.

Atualmente, o SAMU 192 Ceará dá cobertura a 136 municípios de 18 regiões de Saúde, com 13 bases regionais e 52 bases descentralizadas. A cada turno uma equipe de 225 profissionais (26 médicos, 30 enfermeiros, 89 técnicos de enfermagem e 80 condutores) garantem o atendimento de uma população equivalente a 5,6 milhões de habitantes no Estado.

A frota atual é de 100 veículos: 19 Unidades de Suporte Avançado (USA, UTI móvel), duas Unidades de Suporte Intermediário (USI), 54 Unidades de Suporte Básico (USB), 21 USB 4×4, duas motolâncias e dois aeromédicos. Este ano, até 31 de maio, as duas Centrais de Regulação das Urgências (CRU), no Eusébio e em Juazeiro do Norte, registraram 28.351 atendimentos. Em todo o ano passado, foram realizados 63.209 atendimentos nos 136 municípios atendidos.

Atendimento

Em dez anos, o SAMU 192 Ceará realizou 309.056 atendimentos de janeiro de 2008 a maio de 2018. O serviço funciona 24 horas por dia com equipes multiprofissionais de saúde, formada por médicos, enfermeiros, auxiliares de enfermagem e socorristas, que prestam o socorro em qualquer lugar, seja ele privado (residências, locais de trabalho etc.) ou público (vias públicas), após chamada gratuita, feita através do 192.

Autor: Da redação com Ascom/Foto: Marcos Studart e Carlos Gibaja