Requalificação das avenidas da Integração e D. Almeida começam a ser licitada

112

A Prefeitura começa a licitar nesta quinta-feira (16/5) o projeto de requalificação de duas importantes vias de Caucaia. As avenidas da Integração e Dom Almeida Lustosa serão totalmente reformadas com recursos do Banco de Desenvolvimento da América Latina (CAF) no maior financiamento da história do Ceará para uma cidade que não seja a capital.

Conforme prevê a legislação, o processo licitatório foi encaminhado pela Comissão Municipal de Licitações ao Tribunal de Contas do Estado do Ceará (TCE), que disponibilizará o conteúdo na íntegra na Internet. Assim, as empresas interessadas poderão concorrer à execução das obras.

As avenidas receberão serviços de drenagem, pavimentação, padronização de calçadas, requalificação de passeios, medidas de acessibilidade e um novo sistema de iluminação pública. “A Integração e a Dom Almeida Lustosa serão as duas primeiras grandes avenidas a receber obras CAF. Mas todos os principais corredores de Caucaia, por onde passam o transporte coletivo e boa parte dos veículos particulares, terão melhorias”, antecipa o prefeito Naumi Amorim.

Em paralelo às obras dessas duas grandes avenidas, a Prefeitura está finalizando a licitação dos dois primeiros lotes de obras CAF em ruas de pequeno porte. Os processos estão em fase final de tramitação.

Ao todo, 11 vias do Parque Potira e do Araturi serão requalificadas em intervenções orçadas em cerca de R$ 43 milhões. A expectativa é de que o prefeito assine a ordem de serviço ainda em maio para as obras iniciarem logo em seguida.

O PROGRAMA
As obras das avenidas da Integração e Dom Almeida Lustosa e das vias do Potira e do Araturi fazem parte do Programa de Infraestrutura de Caucaia, cujo investimento total é de mais de R$ 300 milhões e levará asfalto novo a mais de 500 ruas e avenidas do município.

O investimento implicará ainda na urbanização de quatro lagoas, construção de cinco praças, edificação de um viaduto e uma ponte, criação de um Centro de Eventos, viabilização de dez ecopontos e interligação da Jurema à Sede e ao Litoral.

Autor: Da redação com ascom/foto: ascom