Primeira-dama reúne-se com profissionais da Educação de Caucaia

439

A primeira-dama de Caucaia Erika Amorim reuniu-se nesta sexta-feira (2/3) com profissionais da Secretaria Municipal de Educação (SME) que estão implementando o Programa Busca Ativa Escolar na pasta, cujo objetivo é resgatar para a rede municipal de ensino as crianças e os adolescentes que estão fora das salas de aula. O encontro aconteceu no auditório da SME, no Centro de Caucaia.

Reduzir a evasão escolar é um dos 11 indicadores avaliados pelo Fundo das Nações Unidas para a Infância na expedição do Selo Unicef. Em Caucaia, Erika Amorim é a articuladora oficial da mobilização para o município ganhar o certificado de cidade empenhada em garantir direitos e melhorar a qualidade de vida dos mais novos.

Há pelo menos oito anos Caucaia não ganha o Selo Unicef. “Nós precisamos entender os porquês de esses jovens estarem fora da escola. Mas não podemos pensar em trazê-los de volta só para termos um indicador positivo e, com isso ganharmos a certificação. A gente quer que eles voltem porque a escola tem algo ainda mais atrativo para eles”, declarou a primeira-dama.

As ações de formação dos agentes envolvidos no Programa de Busca Ativa Escolar vai iniciar imediatamente. Todas as equipes receberão as orientações já nos próximos dias 14, 15 e 16 de março. “A participação de todos que formam as escolas do nosso sistema de ensino é fundamental. Do porteiro ao diretor. Nós temos que formar uma grande rede de localização e acolhimento dessas crianças e adolescentes. O lugar delas é na sala, nos laboratórios, nas quadras e não na rua, sendo vencidas pela violência”, acrescentou Erika Amorim.

Ainda hoje pela manhã, ela esteve na sede da Associação para o Desenvolvimento dos Municípios do Estado do Ceará, em Fortaleza. É da entidade a missão de orientar todas as prefeituras inscritas na edição 2017-2020 do Selo Unicef. “O Guia Metodológico já foi expedido, mas outros guias estão sendo elaborados e outras capacitações vão acontecer, uma delas muito em breve. É interessante vocês criarem uma Sala de Situação para o acompanhamento dos indicadores. Mas o trabalho de mobilização dentro e fora da gestão que vocês já estão fazendo é fundamental”, afirmou a assistente social da APDMCE, Luciana Marinho.

Erika Amorim se mostra confiante na conquista do Selo. “A gente tem que ter foco. Nas diversas reuniões que já tivemos, a gente identificou muitos problemas. Apontamos as causas e propusemos ações. Estamos focando nos projetos de curto prazo. Existem indicadores que estão no vermelho. A saúde tinha índices muito gritantes quando assumimos a Prefeitura, em janeiro do ano passado. De lá pra cá, em pouco tempo, muita coisa melhorou. É esse o espírito que temos que manter. A Comissão Intersetorial que montamos está sedenta pra cair em campo”, resumiu.

Na próxima semana, a primeira-dama deve reunir-se com outras categorias e segmentos da sociedade civil diretamente envolvidos com o Plano de Ação montado pela Prefeitura para Caucaia voltar a ser um município preocupado com crianças e adolescentes.

Autor: Da redação com ascom/Foto: Ascom