Prefeito Roberto Cláudio realiza reunião para avaliar medidas de manutenção de serviços públicos e volta a visitar equipamentos

72

O Prefeito também anunciou a liberação de recursos financeiros para pagamento de horas extras para guardas municipais

Depois de realizar a reunião diária para avaliar a implantação das medidas tomadas para a manutenção dos serviços públicos municipais de Fortaleza, na manhã desta quinta-feira (10/01), o prefeito Roberto Cláudio voltou a visitar profissionais e equipamentos em bairros da Capital.

“Nossos esforços continuam no sentido de garantir a normalização dos serviços públicos de Fortaleza, a exemplo dos ônibus que já funcionam dentro da normalidade. A força tarefa para a limpeza urbana e troca da iluminação danificada continua e deverá solucionar o problema nos próximos dias”, afirmou o Prefeito.

Ainda pela manhã, Roberto Cláudio foi à sede da Secretaria de Segurança Cidadã, onde assinou decreto de Elogio a integrantes da Guarda Municipal envolvidos na Operação Fortaleza Segura, atividade especial desenvolvida neste período que tem como objetivo promover segurança e normalização dos serviços públicos.

Em seguida, Roberto Cláudio visitou o Terminal de Ônibus da Messejana, onde esteve com policiais militares e profissionais do transporte coletivo, agradecendo pelo empenho para garantir a manutenção dos serviços de ônibus.
Outro equipamento visitado pelo prefeito Roberto Cláudio, na quinta-feira, foi a Estação de Transbordo do Aterro do Jangurussu, onde conversou e parabenizou agentes de limpeza urbana pelo comprometimento com a manutenção das atividades em sua totalidade.

O Prefeito também anunciou a liberação de recursos financeiros para pagamento de horas extras para guardas municipais, que deverão reforçar a segurança nos equipamentos públicos, especialmente, Postos de Saúde, Centros de Referência de Assistência Social e Ecopontos.

Os guardas também atuarão nas atividades de manutenção dos serviços municipais, como escolta de ônibus, caminhões de coleta de lixo e da troca de iluminação pública danificada. A ideia é ampliar a quantidade de guardas em postos fixos nas áreas mais vulneráveis da cidade.

Autor: Da redação com Ascom/Foto: ascom