Prefeito Roberto Cláudio autoriza a construção da primeira clínica veterinária pública de Fortaleza

570

O prefeito Roberto Cláudio assinou, nesta segunda-feira (19/08), a ordem de serviço que autoriza a construção da primeira clínica veterinária pública de Fortaleza. O equipamento será instalado no bairro Passaré (Regional VI) e fortalecerá a atenção aos direitos dos animais da Cidade. O equipamento será coordenado pela Secretaria Municipal de Conservação e Serviços Públicos (SCSP) por meio da Coordenadoria Especial de Proteção e Bem-Estar Animal (Coepa).

A estrutura será equipada com consultório, ambulatório, enfermaria, farmácia, ambientes voltados à assepsia e esterilização, centro cirúrgico, além de salas de preparo, de recuperação e de espera. As obras serão executadas pela Secretaria Municipal da Infraestrutura (Seinf) e transformarão o prédio que abrigava a Farmácia Viva em um lugar de referência no tocante ao cuidado gratuito ao animal. Serão investidos recursos da ordem de R$ 1,2 milhão.

Dentre as intervenções previstas, destacam-se, ainda, a recuperação de alvenarias, a implantação de revestimentos cerâmicos, a instalação de piso podotátil e a recuperação de toda a estrutura metálica. Visando à promoção de um ambiente apto aos procedimentos clínicos e administrativos, o ambiente contará com recepção, área administrativa com arquivo, banheiros, copa e depósito para material de limpeza. As melhorias incluem, também, a renovação de toda a estrutura elétrica e hidráulica. De acordo com o cronograma de execuções estabelecido, o equipamento deverá ser inaugurado no primeiro semestre de 2020.

“Este espaço oferecerá tratamento clínico e cirúrgico para animais cujos proprietários vivam uma situação financeira mais desafiadora. Dentro de oito meses, deverá ser entregue com toda uma equipe de profissionais treinados e preparados. Estamos fortalecendo a consciência de que é papel do poder público e da Cidade, a partir das suas instituições, zelar e cuidar dos direitos dos nossos animais”, declarou o Prefeito, que, na ocasião, esteve acompanhado por deputados, secretários municipais, vereadores, lideranças políticas e comunitárias.

“A clínica é fruto da luta de muitos. De cuidadores, de instituições, de parlamentares. Esperamos que essas políticas públicas desenvolvidas ao longo da gestão do prefeito Roberto Cláudio sirvam de exemplo para todos os governantes e próximos gestores que vão assumir”, reforçou a titular da Coepa, Toinha Rocha.

Na oportunidade, o Prefeito adiantou, ainda, a meta de expandir a estrutura da unidade. “A partir da implantação da clínica, possivelmente, haverá a demanda para transformar este equipamento em hospital. A partir de um planejamento estratégico, vamos entregar a gestão em 2020 garantindo as condições orçamentárias e estruturais”, discursou.

Para o deputado federal Célio Studart, “este é um momento de gratidão e alegria. Em diversos eventos ligados à causa, pedimos uma unidade pública de atendimento aos animais. Este é um pontapé importantíssimo para a nossa Cidade. É a realização de um sonho. Parabenizo a sensibilidade e o trabalho do Prefeito. Enviaremos recursos federais para aprimorar essa assistência”, anunciou.

Presente na solenidade, a jornalista Fernanda Leite aprovou a novidade. “Esta intervenção vem em boa hora. Muitos precisam desta iniciativa, deste cuidado, desta atenção do poder público.

“Espero que este seja o início de muitas ações a favor dos nossos animais”, afirmou a jornalista Fernanda Leite

Mais um VetMóvel

Na ocasião, Roberto Cláudio anunciou, ainda, a compra do segundo VetMóvel da Cidade. O equipamento itinerante está consolidado como referência no âmbito dos serviços clínicoveterinários e da castração de animais pertencentes a tutores de baixa renda.

Desde 4 de junho de 2018, quando teve suas atividades iniciadas, o VetMóvel já realizou atendimento a cães e gatos em cerca de 40 bairros, como Barra do Ceará, Cristo Redentor, Bom Jardim, Granja Lisboa, Granja Portugal, Siqueira, Centro (Paço Municipal, Urbfor, Praça do Ferreira), Jacarecanga, Moura Brasil, Damas, Jardim América, Montese, Bom Futuro, Parreão, Cambeba, Cidade 2000, Joaquim Távora, São João do Tauape, Cidade dos Funcionários, Jardim das Oliveiras, Cajazeiras, Parque Manibura, Varjota, Papicu, Cocó, Dionísio Torres, Aldeota, Praia de Iracema, Jangurussu, José Walter, Edson Queiroz, Messejana, Pici, Parangaba, Vila Peri, São Gerardo, Jóquei Clube, Mondubim e Aracapé.

Nesse período, foram registrados mais de 35.000 atendimentos a cães e gatos de Fortaleza. Dentre os serviços oferecidos, foram contabilizadas mais de 12.000 vacinas, 8.000 consultas, cerca de 6.000 exames detectores de Calazar e mais de 4.000 castrações.

Autor: Da redação com ascom/Foto: ascom