Prefeito Naumi Amorim envia à Câmara projeto que cria Caps Infantil

318

O prefeito de Caucaia,  Naumi Amorim (PMB) encaminhou na manhã desta quinta-feira (5/4) à Câmara de Vereadores um importante projeto para a rede de Saúde Mental de Caucaia. A matéria cria o Centro de Atenção Psicossocial Infantil (Caps i). O equipamento fica no bairro Itambé e já funciona desde outubro do ano passado.

A unidade especializada atende a crianças e adolescentes que sofrem de intenso sofrimento psíquico decorrente de transtornos mentais graves e persistentes. Outro público que a unidade pode atender são os casos relacionados ao uso de substâncias psicoativas ou outras situações clínicas que impossibilitam o estabelecimento de laços sociais e a realização de projetos de vida.

“Nossas crianças e adolescentes precisam cada vez mais de acompanhamento e a criação deste Caps é a garantia de um atendimento especializado que trará às nossas crianças uma nova esperança, um novo jeito de viver”, explica o prefeito na mensagem aos vereadores.

Além de oferecer atendimento e acompanhamento clínico aos usuários, a unidade garante direitos civis deles e favorece o fortalecimento de vínculos familiares e comunitários.

A mensagem do prefeito deve ser lida na sessão da Câmara Municipal da próxima terça-feira (10/4). Iniciará, assim, tramitação. Nas comissões técnicas e em plenário, os vereadores vão discutir e votar a matéria.

NOVOS MÉDICOS E REFORMA


Criar um Caps especializado no atendimento infantil foi apenas uma das ações da Prefeitura de Caucaia para fortalecer a rede de Saúde Mental. A Secretaria Municipal de Saúde (SME) contratou este ano seis médicos para o setor. Eles fazem parte de um programa de residência em psiquiatria inédito no município. Atuam em outros dois espaços. Com isso, a gestão praticamente dobrou a quantidade de médicos na área. Conta agora com 14; eram apenas oito antes.

Em visita aos três Caps no último dia 22 de março, o prefeito Naumi Amorim assinou autorização para a licitação que vai viabilizar a reforma do Caps Geral, localizado na Jurema. A obra custará R$ 253 mil.

Autor: Da redação com Ascom/Foto: Divulgação