Ordem de Serviço da Areninha de Caucaia será assinada até o fim de setembro

129

A Ordem de Serviço para o início das obras da Areninha, que será construída através de parceria entre a Prefeitura de Caucaia e o Governo do Estado, deverá ser assinada até o fim de setembro. O anúncio foi feito nessa segunda-feira (11), durante lançamento do projeto de areninhas para o Interior do Ceará, quando o governador Camilo Santana entregou simbolicamente a maquete do equipamento ao prefeito Naumi Amorim.

“Nós temos que oferecer oportunidades aos jovens. E uma dessas oportunidades está no esporte. Somadas a essas areninhas do Estado, as areninhas que vamos construir serão fundamentais para reduzirmos a violência, para melhorarmos o desempenho escolar, para a ocupação de espaços públicos etc. Uma coisa leva a outra”, elenca Naumi Amorim. O prefeito refere-se a outras dezenas de areninhas que o município deverá construir com recursos próprios ou através da destinação de emendas parlamentares.

De acordo com projeto do governo estadual, cada Areninha terá gramado sintético, bancos de reserva, alambrados, rede de proteção, vestiários, depósito para materiais esportivos, iluminação, rampa de acesso para cadeirantes, paisagismo e pavimentação. Tudo para propagar uma nova dinâmica social através da prática esportiva e do lazer.

“Esse programa nasceu da experiência em Fortaleza. Mesmo num momento tão difícil pelo qual o país está passando, nós estamos investindo tudo isso. E vamos trabalhar para termos outras etapas. Esse projeto é uma forma de dar cidadania, descobrir talentos e reduzir a violência”, afirmou o governador Camilo Santana.

Os terrenos

Os terrenos terão área média de 95m x 73m, enquanto os campos esportivos terão em média 85m x 60m. “A obra envolve uma praça de esportes com grama sintética da melhor qualidade, que passa por vários testes. Não vamos receber qualquer material, pois queremos que essa praça fique sendo utilizada durante muitos anos. Vamos adotar o padrão Fifa, com vestiários, banheiros com bebedouros, sistema de iluminação, um produto completo”, explicou o superintendente do Departamento de Arquitetura e Engenharia do Estado (DAE), Silvio Gentil.

Autor: Da redação com Ascom/Fotos: Rogério Ribeiro