Governo autoriza concurso público para contratar servidores para Aderr

384

aderr A Agência de Defesa Agropecuária do Estado de Roraima (Aderr) terá 30 dias para elaborar o Edital de Concurso Público para provimento de cargos na instituição. O sinal verde foi dado na manhã desta terça-feira (28), pelo governador José de Anchieta, que respondeu positivamente a um ofício da Presidência da Agência, em que solicitava a autorização.

O Edital do Concurso deverá ser elaborado levando-se em conta a Lei que instituiu o Plano de Cargos, Carreiras e Remuneração (PCCR) da Agência de Defesa, aprovada pela Assembleia Legislativa de Roraima (ALE/RR) e sancionada pelo governador José de Anchieta, em dezembro do ano passado.

Essa é uma das exigências do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa) para que o Estado de Roraima venha a auferir o status de área livre de febre aftosa, o que implicará em desenvolvimento para o setor pecuário. Hoje, Roraima é considerado de alto risco para a doença.

Ao alcançar o status de área livre, o que pode ocorrer ainda neste ano de 2014, os pecuaristas de Roraima estarão aptos a fornecer carne bovina tanto para o Estado do Amazonas, como para os vizinhos países da Venezuela e República Cooperativista da Guiana, e demais mercados consumidores.

O diretor do Departamento de Defesa Animal da Aderr, Sílvio Lofego Botelho, explicou que ainda não está definido o número de vagas que constará no Edital, mas, a se considerar o PCCR, poderão ser ofertadas 110 vagas de nível superior, 87 de técnicos de nível médio e mais 62 vagas de nível médio para a área administrativa.

Secom/RR