Enxergar Bem: Prefeitura de Iguatu dá continuada a mutirão de cirurgias de cataratas

121

Os mutirões começaram em 2017, atendendo a centenas de pacientes que aguardavam há bastante tempo à cirurgia.

A prefeitura de Iguatu, através da secretaria de Saúde, começou neste sábado (6/01) e domingo (7/01), o primeiro mutirão de catarata de 2018, está sendo realizado na Policlínica do município. O município de Iguatu passou a ser destaque na região Centro-Sul do Ceará. O avanço na cirurgia de catarata tem permitido bons resultados médicos e com sucesso, em quase 100% dos casos.

A cirurgia de catarata é um anseio antigo dos pacientes de Iguatu. A iniciativa para resolver o problema partiu de uma determinação do prefeito Ednaldo Lavor (PDT), do vice-prefeito Marcos Sobreira (PDT), ao secretário municipal de Saúde, Marcelo Sobreira.

O prefeito Ednaldo Lavor, destacou “Não vamos poupar esforços para garantir o atendimento de nossos pacientes. É uma alegria saber que tantas pessoas poderão recuperar a visão e ter a vida de volta, uma vez que esperava há anos por esses procedimentos” destacou o gestor.

De acordo com o secretário de saúde, Marcos Sobreira, o objetivo da gestão é implantar uma saúde do novo tempo é atender, com urgência, a fila de pessoas cadastradas na rede de saúde do município, “Existe uma demanda reprimida e estamos zerando essa fila” constatou o secretário que falou sobre a doença, “Catarata é uma doença de visão bastante comum entre os idosos e o resultado após a cirurgia é muito bom, inclusive para a melhora global da saúde do paciente” definiu.

Mais saúde

A secretaria de Saúde também promove outros mutirões para exames de ultrassonografia, tomografia,  endoscopia, colonoscopia, ecocardiograma e consulta de oftalmologista.

 

Primeiro mutirão 2018

Neste primeiro mutirão, foram atendidos 120 pacientes – 50 cirurgias de pterígio e 70 de catarata.

 Mutirões 2017

Os mutirões começaram em 2017, atendendo a centenas de pacientes que aguardavam há bastante tempo por uma cirurgia. Durante os meses de agosto e setembro, foram realizadas 235 cirurgias de catarata e pterígio e em outubro foram 406.

 

O pterígio

O pterígio é uma formação carnosa que avança sobre a córnea, geralmente do lado nasal. Trata-se de uma resposta do olho a um processo de irritação ocular crônica, em que a exposição à luz solar e ao vento têm um papel importante.

Paciente a espera de uma cirurgia

Deve fazer:

Os pacientes que precisam de cirurgia de catarata ou pterígio devem procurar a Central de Regulação na Secretaria de Saúde do município, no bairro Santo Antônio, e apresentar indicação de cirurgia pelo oftalmologista, cópia de RG, cartão do SUS e comprovante de endereço.

A doença

A catarata é uma doença que afeta principalmente os idosos e tem como característica fazer a visão embaçar aos poucos. Entre os sintomas mais comuns estão à visão ruim à noite, os olhos sensíveis à luz e a visão escurecida. Isso acontece porque o cristalino, a camada que envolve os olhos de todas as pessoas, começa a engrossar, dificultando a visão.

Nos casos mais avançados, os olhos ficam na cor branco-azulada. O maior risco, no entanto, é a cegueira, que pode acontecer quando o tratamento não é feito. Não existe prevenção para a catarata, que pode surgir também em jovens e até crianças, logo no berçário, após o nascimento.

Como é feita a cirurgia

A cirurgia de catarata é um procedimento considerado de baixa complexidade, com anestesia local e sem a necessidade de internação. Os pacientes passam por exames laboratoriais e, quando necessário, cardiológicos. Com o resultado dos exames normais, estão prontos para a cirurgia, que dura de cinco a dez minutos. Não é necessário ficar internado e a recuperação acontece em uma semana. Quanto mais grossa for camada que será retirada dos olhos, mais difícil será a cirurgia. Por isso é importante procurar o tratamento no SUS assim que perceber sinais da doença.

Óculos de graça

Outra estratégia da Prefeitura de Iguatu, na qual oferece gratuitamente kits compostos por óculos e colírio.

Autor: Rogério Ribeiro/Fotos: Divulgação