Entidades religiosas entregam ao deputado Ivo Som proposta de projeto

403

Foto Hisraufre Emiliano (1)Fica instituído o “Dia Estadual da Liberdade Religiosa”, a ser comemorado, anualmente, no dia 15 de Novembro.

 “O Estado de Roraima e o Brasil não aceitam guerra entre religiões”

Na manhã desta quarta-feira (06/11), após sessão ordinária na Assembleia Legislativa de Roraima- ALR/RR, o deputado Ivo Som (PTN), recebeu em seu gabinete representantes religiosos.

Todo Homem tem direito à liberdade de consciência e religião; este direito inclui a liberdade de mudar de convicções, religião ou crença e a liberdade de manifestar a sua religião individual, coletivamente, em público ou em privado, através do culto, do ensino escrito ou oral, ou pela prática e a observância dos ritos.

Ao conhecer a proposta do projeto que Fica instituído o “Dia Estadual da Liberdade Religiosa”, a ser comemorado, anualmente, no dia 15 de Novembro, o deputado Ivo Som, parabenizou a iniciativa dos religiosos e destacou a sua fé “Sou cristão, cujo nome não uso em vão. Rezo vou à missa e a cultos ecumênicos, mas não uso a minha fé como material de campanha. Vou à igreja para me por diante do Senhor, não para campanha política. Respeito a minha religião e a de todas as pessoas. Aprendi que Deus tem de estar na nossa prática de vida”, afirmou. E continuou: “Respeito os católicos, os evangélicos, os espíritas e as religiões afro-brasileira. Respeito à política e a democracia, cuja base é o conteúdo de ideias” destacou Ivo Som.

Em seguida o parlamentar fez as devidas adequações com os representantes religiosos na proposta de projeto e protocolou, na oportunidade afirmou que vai ler a proposta na sessão desta quinta-feira (07/11). “Acredito nos nobres colegas desta casa e por unanimidade essa proposta vai se transformar em projeto de Lei, resumido será uma forma de presentear a II Caminhada em Defesa da Liberdade Religiosa, que acontece no próximo dia 15/11, data da comemoração” afirmou.

Os representantes das entidades: Espiritualista Cristã, de Umbanda e evangélicos, foram unanimes em destacar o apoio do deputado Ivo Som em todas as questões religiosas sem distinção de religião.

De acordo com a presidente da Associação de Umbanda, Ameríndios e cultos Afro-brasileiros de Roraima – ASUAER, Claudia Cristina Mendes Furtado. “A instituição da data comemorativa trará mais força para as religiões e ajudará a reduzir o preconceito sofrido pelos umbandistas. Temos que viver em sintonia cada um respeitando a sua crença” destacou Furtado.

O mestre doutrinador, Rogério Ribeiro conta que os membros de sua religião  sofrem todo o tipo de preconceito. “Nas escolas nossos filhos são questionados quando é perguntada qual religião pertencem, existem casos de alunos que foram humilhados, inclusive por uma professora, quando ele disse que era espiritualista do Vale do Amanhecer. Outra situação é a falta de conhecimento, o nosso Templo fica no bairro Alvorada, os próprios vizinhos dizem que somos bruxos, que sacrificamos animais e até crianças, um absurdo, nós não damos e não tiramos nada de ninguém, somos espiritualistas cristãos, seguimos a lei de nosso senhor Jesus Cristo, mais por falta de conhecimento e em respeito muitos escondem a identidade religiosa para preservar o trabalho material”, revelou.

Para o pastor da Igreja Nova Vida, Pr. Max Fernandes, “O tempo é o que diz verdadeiramente o que fazemos” lembrou o pastor, continuou “ Temos que respeitar essa ideia, somos um país laico inclusive na religião, mesmo com divergência de opinião isso é normal” destacou Fernandes.

O experiente mestre Américo, do Templo Vale do Amanhecer, declarou. “O objetivo é de promover o respeito à diversidade religiosa” disse.

De acordo com representante da Associação Beneficente Agapão, Pastor Anderson Santana “Liberdade religiosa é respeitar o direito de escolha e da manifestação da crença”.

Outro ponto apresentado pelos representantes foi a II Caminhada pela Paz, com o tema: “Em Defesa da Liberdade Religiosa”, que será realizada no próximo dia 15/11, com concentração na praça do Cento Cívico a partir das 16h e saída para a praça Velia Coutinho as 17h. confirmaram a participação na II caminhada, várias denominações religiosas da capital e do interior do estado como, Budistas, Evangélicos, Católicos da Igreja Ortodoxa, Espiritualistas Cristãos do Vale do Amanhecer.

 

Ascom: Deputado Estadual Ivo Som/Foto: HISRAUFRE EMILIANO