Em Roraima Projeto Bolsa Universitária deve ser aprovado nesta quarta na ALE

409

Aprovado por unanimidade em primeiro turno, o projeto de lei complementar autorizativo que altera a bolsa de estudo universitária retorna para votação nesta quarta-feira (11), no plenário da Assembleia Legislativa de Roraima. O projeto de autoria do deputado estadual Chico Mozart foi aprovado por 22 votos na sessão desta terça-feira (10) e, se aprovado, segue para Sansão governamental.

Criado em 2006, o projeto Bolsa Universitária consiste em oferecer bolsa de estudos aos alunos universitários comprovadamente sem condições de bancar uma universidade particular. “Atualmente, o Estado tem em andamento apenas 15 bolsas universitárias para população de baixa renda”, disse o parlamentar ao explicar que muitos jovens e idosos aguardam uma oportunidade para ingressar em uma universidade para realizar o sonho de ter um diploma.

Segundo dados, o programa não exige um alto valor dos cofres públicos. Se aprovado, os estudantes carentes poderão comemorar o benefício. “Pela nova proposta, anualmente haverá a seleção de beneficiados para concorrer às bolsas universitárias ofertadas e 5% destas vagas serão destinadas às pessoas com mais de 60 anos”, destacou Chico.

Em 2013, mais de 10 mil idosos realizaram o Enem. Em 2014, 15 mil participaram do certame. O parlamentar ressalta que o aumento reflete a necessidade em oferecer um programa para idosos que queiram ingressar à universidade e não tiveram a oportunidade de alcançar o ensino superior quando jovens.

“Destinar verbas para a educação não é gasto, é investimento. Além de ajudar esta parcela da população, o Estado ganha com a melhoria da formação profissional”, lembrou.

Autor: Da redação com Luciano Torres/Foto: Divulgação