Em Caucaia, Projeto de escola municipal é destaque nacional.

215

A Prefeitura de Caucaia, por meio da Secretaria Municipal de Educação (SME), tem incentivado projetos que promovem o desenvolvimento integral de crianças e adolescentes matriculados na rede municipal de ensino. Um desses projetos ganhou, recentemente, visibilidade nacional, integrando o Mapa de Práticas de Educação Integral nas Infâncias.

Elaborado pela professora Elaine Rocha Pontes, da Escola de Ensino Infantil e Ensino Fundamental (EEIEF) Belo Monte, na localidade de Bom Princípio, o “Projeto Girassóis: Construindo Valores na Educação Infantil” foi contemplado pelo edital do Centro de Referências em Educação Integral, que publica práticas de ensino exitosas de todo o país. Agora o trabalho poderá inspirar outras escolas e profissionais da educação. O projeto envolve crianças de dois a cinco anos de idade, e promove a construção do conhecimento a partir da relação da criança com a natureza e com os outros seres humanos.

Para a Secretária de Educação do Município de Caucaia, Camila Bezerra, “é muito importante perceber que o trabalho desenvolvido nas nossas escolas está não só sendo reconhecido como também está fazendo a diferença na formação de toda uma nova geração de cidadãos, que crescerão mais conscientes das relações de afeto e cuidado com o meio ambiente e com o próximo”, disse.

“A implementação de valores humanos aconteceu a partir da pergunta de uma das crianças: ‘como nosso girassol irá crescer?’. Respondemos que cuidando permanentemente das flores, dizendo boas palavras às plantas, dando muito carinho, respeitando o espaço dela, não pisando e tratando com amor, ela iria crescer rapidinho”, conta Elaine.

O cuidado com as plantas, que além de água e adubo, recebiam conversas, contações de história, música e arte, logo se estendeu ao cuidado com o outro. “Nós percebemos que as crianças se encantaram com os efeitos que o cuidado e o amor têm sobre as plantas e passaram também a se tratar com mais solidariedade e carinho. Logo as famílias também perceberam as mudanças em casa”, afirma orgulhosa a professora.

Ivoneide Gomes, mãe da Iohana, aluna do Infantil III, fez questão de ir à escola conhecer o projeto e doar novas mudas. “Eu quis conhecer de perto essa plantação que a Iohana tanto fala. Ela disse todos cuidam das plantas, conversam com elas. Até as plantas da minha casa ela tá ajudando a aguar”, diz a mãe que observou mudanças na filha tanto na consciência com o meio ambiente quanto com o cuidado com as outras pessoas.

Autor: Da redação com ascom/foto: ascom