Dra. Luciana Rolim eleita vereadora mais atuante de Várzea Alegre com 96%.

949

Vereadora mais atuante do município, um prêmio de reconhecimento pelo seu mandato participativo, atuante e engajada na saúde, nas causas sociais e relevantes a população de Várzea Alegre.

A vice-presidente da Câmara Municipal de Várzea Alegre, vereadora Dra. Luciana Rolim (PV) é eleita à legisladora mais atuante do município, no critério de atuação parlamentar e receberá a Medalha dos Inconfidentes – Mérito Eleitoral (Medalha Tiradentes), concedida pelo Instituto Tiradentes, de Viçosa, Minas Gerais. O vereador Dedé da Topique (PT do B) com 92% ficou em segundo lugar e  Dr. Márcio Henrique (PT do B) que obteve 85% das indicações em terceiro lugar.

De acordo com Dra. Luciana Rolim a pesquisa reflete o trabalho intenso que a parlamentar faz pelas comunidades de Várzea Alegre, principalmente na área da saúde e das mais necessitadas. “É o reconhecimento do nosso trabalho, o que nos motiva a continuar trabalhando cada vez mais. Recebo a notícia com alegria e com a responsabilidade de que devo trabalhar cada vez mais pelos Varzealegrenses”, afirmou a vereadora que agradeceu “Mais uma vez, a gratidão é uma palavra de ordem que me faz olhar nos olhos do povo e seguir determinada a fazer uma cidade melhor e mais feliz” agradeceu a parlamentar.

Pesquisa de opinião pública

O Instituto Tiradentes realizou pesquisa de opinião pública em Várzea Alegre, entre 23 de outubro e 10 de novembro, para saber qual dos vereadores foi mais atuante no município neste ano de 2017.

Os três parlamentares mais bem avaliados na pesquisa foram Dra. Luciana Rolim (PV), com 96%,  Dedé da Topique (PT do B) com 92% e  Dr. Márcio Henrique (PT do B) que obteve 85% das indicações.

Entrega da medalha

Os vereadores receberão a medalha Alferes Tiradentes, nos dias 14 e 15 de dezembro, em evento que será realizado em Recife – Pernambuco.

O Instituto

 O Instituto Tiradentes nasceu na cidade de Viçosa, Minas Gerais, no ano de 2003, através de um grupo de vereadores da Zona da Mata do estado, que em busca de conhecimento organizou em maio daquele ano o primeiro seminário.

Atualmente o Instituto realiza eventos de capacitação por todo Brasil com o objetivo de qualificar gestores públicos, estimulando o debate entre empresários, políticos e intelectuais de temas pertinentes à administração pública.

Lisura do processo

Para garantir a lisura do processo, o Instituto Tiradentes possui um banco de dados com mais de 120 milhões de telefones de todo Brasil. Dependendo da quantidade de habitantes de cada cidade – Probabilidade Proporcional ao Tamanho-IBGE, são sorteados pelo computador entre setenta a mil e quinhentos números de telefones para fazer parte da pesquisa, objetivando sempre que os resultados representem a situação da população dos municípios.

Autor/Foto: Rogério Ribeiro