Deputada Cida Ramos é a primeira parlamentar paraibana a implantar site com acessibilidade

244

A deputada estadual Cida Ramos (PSB/PB) lançou, nesta segunda-feira (9/9), sua página da internet (www.cidaramos.com.br) com ferramentas de acessibilidade para pessoas com deficiência, tornando-se a primeira parlamentar paraibana a implantar um site que promove uma comunicação inclusiva. O sistema suporta a tradução de português para Libras e a sintetização do áudio a partir do conteúdo textual do website, além do ajuste de layout da página, de forma integrada em um único plugin.

Cida Ramos que é a primeira deputada do Legislativo estadual com deficiência reforçou que oferecer às pessoas com deficiência o acesso a equipamentos é uma responsabilidade de todos. “A acessibilidade do site surge num momento fundamental, onde precisamos atenuar a necessidade de investimentos de forma a facilitar o dia a dia das pessoas com deficiência. Neste sentido, pensamos em tornar a nossa comunicação cada vez mais democrática e acessível, tendo em vista que a inclusão das pessoas com deficiência na sociedade é uma das nossas principais bandeiras de luta. Enquanto pessoa com deficiência conheço na pele o árduo caminho que precisamos percorrer na afirmação e reafirmação da nossa autonomia, cidadania e capacidade. Por isto, essa importante iniciativa visa abrir portas e possibilitar igualdade de direitos”, afirmou.

A deputada também explicou como se dá a funcionalidade de tradução para libras. “Essa é uma questão muito importante para os surdos, pois muito deles não compreendem o português perfeitamente, sendo esta uma opção para que possam ter acesso à informação em sua língua principal. Essa necessidade se deu ao termos conhecimento de uma pesquisa que aponta que 80% dos surdos no mundo são analfabetos”, salientou. Outro importante mecanismo é a sintetização de áudio, destinado ao auxílio de pessoas com deficiência visual. “Essa funcionalidade ajuda as pessoas com dificuldade visuais a ouvirem o conteúdo do website, sendo útil para pessoas com diferentes níveis de dificuldade visual. Sem contar que serve também para analfabetos, idosos, pessoas com dislexia ou mesmo simplesmente para casos em que o leitor queira, por algum motivo, fazer uso da ferramenta”, pontuou.

O sistema desenvolvido pelo site é compatível com os direcionamentos da Lei Brasileira de Inclusão (13.146) e com a Lei da Acessibilidade (10.098), que tem o objetivo de garantir inclusão, mobilidade e acessibilidade das pessoas com deficiência. Em 2004, foi publicado o decreto nº5296, que trouxe regulamentações mais específicas sobre a promoção de acessibilidade. A publicação reforçou a necessidade de investimento também nos meios de comunicação. Segundo o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), 45,6 milhões de pessoas no Brasil possuem algum tipo de deficiência, seja física, visual, auditiva ou motora. Na Paraíba, dados também do IBGE registram que dos 3.766.834 habitantes no Estado no ano de 2010, cerca de 27,76% declararam ter ao menos um tipo de deficiência. Isso representa 1.045.631 pessoas. Ainda de acordo com o censo de 2010, 8.477 pessoas são cegas na Paraíba e 6.470 possuem deficiência auditiva.

Autor: Da redação com ascom/Foto: ascom