Ceará Pacífico: Governo do Ceará e Basquete Cearense firmam parceria para implantação de CT em unidade socioeducativa

141

O Centro Socioeducativo Dom Bosco contará agora com um Centro de Treinamento de basquete. A iniciativa faz parte do Programa Esporte Gera AO Centro Socioeducativo Dom Bosco contará agora com um Centro de Treinamento de basquete. A iniciativa faz parte do Programa Esporte Gera Ação proposto pelo Governo do Ceará, através da Superintendência do Sistema Estadual de Atendimento Socioeducativo (Seas), como parte do eixo Ceará Pacífico, que é coordenado pelo Gabinete da Vice-governadoria. O projeto foi apresentado nesta quinta-feira (1), na unidade localizada no bairro Passaré.
Durante o evento, a vice-governadora Izolda Cela reforçou a importância de ações como esta no sistema socioeducativo. “O projeto visa ofertar atividades construtivas e oportunidades deles vivenciarem coisas boas, coisas que a juventude precisa, que é importante na idade deles, como o esporte e outras tantas e ajudá-los a reorganizar seus projetos de vida e suas trajetórias”, destacou Izolda Cela.
A parceria tem o objetivo de utilizar o esporte como ferramenta de socioeducação e meio de ressignificação de valores para os adolescentes que estão privados de liberdade no Ceará, além de proporcionar atividades que incluem treinamentos físicos e testes seletivos para novos talentos. Os jovens também terão oportunidade de assistir aos jogos do Basquete Cearense, bem como aprender a desempenhar funções primordiais para a organização dos jogos oficiais.


Essa é a segunda unidade escolhida por uma instituição para desenvolver um trabalho esportivo dentro da proposta pedagógica adotada pela Seas. Na oportunidade, o superintendente da Seas, Cássio Franco, destacou a importância dessas parcerias. ”Estamos fazendo essa parceria com o Carcará e tem uma série de ações com outras federações desportivas para serem implementadas nos centros socioeducativos, e o objetivo realmente é esse, é através do esporte trazer novos valores e um processo de reflexão sobre o ato infracional praticado por esses jovens, é traçar novas perspectivas”, disse Cássio Franco.
Em seu pronunciamento, Alberto Bial, treinador do Basquete Cearense, dirigiu a sua fala diretamente aos adolescentes. “Todos vocês são carcarás, aqui vocês são acolhidos, e a qualquer momento vocês serão levados a treinamentos para ver como é um trabalho duro ser atleta profissional, como a disciplina é importante, como a socialização, respeito mútuo entre nós, técnicos e comissão técnica, é importante”, afirmou Bial.
A solenidade também contou com a presença do secretário chefe de gabinete da vice-governadora, Fernando Oliveira, e do presidente da Associação do Basquete Cearense, Thalis Braga.
Autor: Da redação com George Braga – Seas/Queiroz Netto / Vice-Governadoria