Caucaia unida contra o trabalho infantil; ações educativas mobilizam o Centro

278

Celebrado em todo o mundo nesta quarta-feira (12/6), o Dia de Combate ao Trabalho Infantil teve uma série de ações de sensibilização no Centro de Caucaia. A Secretaria Municipal de Desenvolvimento Social (SDS) desenvolveu atividades no Mercado Juaci Sampaio Pontes, escolas municipais e no Iandê Shopping.

A programação iniciou com a distribuição de material educativo aos permissionários e frequentadores do Mercado. Na avenida Edson da Mota Correa, técnicos da SDS e apoiadores da campanha fizeram um corredor humano que levou informação para pedestres e motoristas sobre o risco de crianças e adolescentes serem explorados como mão-de-obra.

Coordenadora municipal do Programa de Educação Contra a Exploração do Trabalho da Criança e do Adolescente (Peteca), a professora Andrea Herculano ressalta que a temática vem sendo desenvolvida na rede municipal de ensino. “É dentro das escolas que identificamos os primeiro traços do trabalho infantil. O trabalho das crianças é proibido por Lei.”

No Shopping Iandê, a Prefeitura promoveu uma exposição e uma seletiva municipal de trabalhos desenvolvidos por alunos da rede pública de ensino. São desenhos em cartazes, vídeos e poesias que abordam o combate à exploração de menores no trabalho. Uma roda de conversa também aconteceu.

Ana Cláudia Monte, assistente social e gerente do combate ao trabalho infantil da SDS, acredita que a data é muito importante para Caucaia. “O momento é de parada para reflexão das formas de trabalho infantil que retiram os sonhos, as brincadeiras. A criança tem que estar na escola e ter acesso a políticas de garantias de direitos”, acredita.

Permissionária do Mercado Municipal, dona Maria do Rosário acredita que ações como a de hoje podem ajudar a erradicar o trabalho infantil. “É muito bom ver o município preocupado com este tipo crime. Nossa cidade dá exemplo de combate.”

Já seu Roberto Ferreira Lopes, frequentador do Mercado, destaca a importância da iniciativa de explicar o que é o trabalho infantil. “Uma informação a mais para as pessoas que trabalham no mercado para não contratarem crianças e para nós denunciarmos.”

Nas escolas municipais, atos de sensibilização foram promovidos para debater com alunos e professores a temática do trabalho infantil. A programação contemplou ainda uma roda de conversa na sede do Centro de Referência Especializado de Assistência Social (Creas) e a exposição de Filme no Centro Pop, que trabalha com a população em situação de rua.

Autor: Da redação com ascom/Foto: ascom