Caucaia revitalizada: Obra de revitalização na Taquara tem previsão de conclusão para maio

79

Em visita técnica realizada nesta segunda-feira (23/4) à Serra da Taquara, técnicos do Instituto do Meio Ambiente de Caucaia (Imac) constataram que são necessários ajustes na obra de revitalização da região. A previsão é de que até o dia 31 de maio a requalificação esteja concluída.

Iniciada em setembro do ano passado, a revitalização da Serra da Taquara visa preservar o meio ambiente. Já foram concluídas a recuperação da escadaria, a reposição do acesso da trilha e o serviço de limpeza de toda área da subida, assim como a calçada projetada de acesso da trilha. A área de 50 metros de circunferência da nascente terá limpeza e cercada num perímetro para acesso restrito de visitantes.

Está previsto um cronograma de sinalização de todo o parque e a construção do pórtico de acesso, do mirante (em fase de conclusão) e do guarda-corpo, para evitar acidentes, além da limpeza do acesso da nascente, instalação de lixeiras e projeto de revegetação de alguns trechos da trilha. A urbanização da trilha de aproximadamente 200 metros que leva à nascente facilitará o acesso de visitantes.

Segundo o presidente do Imac, Hugo Pontes, ficou a visita de hoje constatou que a compensação ambiental da obra de ampliação do sistema de abastecimento de água da Cagece, em forma de requalificação da área, precisa de ajustes para ficar de acordo com o projeto inicial. “Agora algumas mudanças terão que ser executadas para chegar no denominador comum que o Instituto deseja e que ficou acordado inicialmente.”

Em julho de 2017, uma equipe do Imac fez o reconhecimento da área e elaborou uma análise que culminou no projeto de requalificação da nascente e da trilha. O entorno da nascente passará por um reflorestamento num raio de 50 metros.

Conforme a responsável técnica ambiental da obra, Évila Freitas, está sendo realizada uma delimitação na área que envolve a nascente. “O espaço precisa ser preservado para delimitar o acesso de visitantes.”

O projeto de requalificação é executado pela Cagece e uma construtora como forma de compensação ambiental para a comunidade da Taquara e fiscalizada pela Prefeitura.

TURISMO

A ideia da Prefeitura é tornar a Serra da Taquara um centro de turismo ecológico. O projeto de revitalização consta da recomposição de espécies e plantas locais, além da oferta de oficinas para moradores da região. Com isso, o Imac pretende educar a população quanto à importância da preservação do olho d’água e da mata.

Além da preocupação ecológica, há uma perspectiva de incremento econômico para a população da Taquara com a introdução do turismo local.

Autor: Da redação com Ascom/Foto: Divulgação