Associação dos Ciganos do Ceará se reúne com secretário e técnicos da Sesporte

316

Durante o encontro, foram debatidos diversos assuntos relacionados ao desenvolvimento do esporte nas comunidades, como também a inclusão da cultura cigana em projetos realizados pelo estado, apoio do MAPP Ceará Cigano e agenda com o governador.

Atendendo agenda cigana, o Secretário do Esporte do Estado do Ceará (Sesporte), Euler Barbosa, reuniu nesta quinta-feira (03/05), com membros da Associação de Preservação da Cultura Cigana do Estado do Ceará (ASPRECCE).

Na oportunidade os Representantes da ASPRECCE, fizeram um breve relato das atividades da entidade, para a o secretário, o coordenador de Desenvolvimento do Esporte, Marcelo Söldon e a orientadora da Célula de Esporte de Participação, 3ª Idade e Pessoa com Deficiência, Mayara Veras, que após ouvirem atentamente os ciganos, informaram sobre alguns critérios quem são adotados pela Sesporte com relação à celebração de convênios e parcerias, além de outros assuntos da pauta.

O secretário Euler Barbosa recebeu os ciganos com muita alegria “Vamos trabalhar para executar os projetos solicitados com o objetivo de fazer o esporte acontecer em todo o estado” disse o secretário

Secretário projeta incorporação 

“A ideia é atender a comunidade cigana com a possibilidade de criar os primeiros Jogos dos Povos Tradicionais do Ceará, bem como incluindo as outras comunidades como: quilombolas, indígenas, marisqueiros e pescadores artesanais, com a finalidade de congregar políticas públicas de esporte e lazer garantindo as particularidades de cada um dos povos a fim de fortalecer as culturas e promover a cima de tudo cidadania a essa parcela importante da nossa sociedade que mantém a cultura viva” frisou Barbosa.

O presidente da Asprecce, o cigano calon, Rogério Ribeiro, consultou à possibilidade de desenvolvimento do Programa Esporte e Lazer da Cidade (PELC), onde garante o direito social de acesso arte, cultura e esporte, “Parcerias como esta possibilitarão o resgate de muitos crianças e jovens que hoje estão perdidos diante de um cenário de acesso fácil a drogas e ofertas ilusórias, bem como inserir nosso povo cigano com a sociedade. O esporte é a ponte para o resgate destes jovens para uma vida melhor” destacou Ribeiro.

De acordo com diretor de esporte da Asprecce, o cigano calon, José Eudo, “Com o apoio da Sesporte, é uma melhoria para a comunidade e com isso é importante porque a gente vive na comunidade e entende a realidade. No Distrito de Catuana em Caucaia, temos um campo de futebol de campo que é o incentivo, mas precisamos de apoio” disse Eudo.

Para a secretária da Asprecce, a jurinha Renata Célia, “Acreditamos no esporte como ferramenta de transformação social, promovendo cidadãos saudáveis e com oportunidades promissoras e qualidade de vida”, comentou a secretária.

I Encontro das comunidades ciganas

Na oportunidade o presidente convidou o secretário Euler e toda a sua equipe a participar do I Encontro das Comunidades Ciganas do Estado do Ceará, onde oportuniza fortalecer o intercâmbio entre as comunidades ciganas do Ceará e o acesso às políticas públicas.

O evento será um marco histórico para os ciganos do Ceará que deste que foi constituindo o dia 24 de maio como o Dia Nacional do Cigano, conforme o decreto 10841 do ex-presidente Lula, nunca se fez no Ceará, um evento em comemoração a essa data, que também faz alusão à padroeira universal dos povos de etnia cigana, Santa Sara Kali. A comunidade cigana acredita que após esse março histórico, muitas conquistas serão alcançadas bem como fortalecerá a luta do povo cigano que crer num mundo melhor onde não exista mais desrespeito e discriminação de raça e etnia.

 

Autor/Fotos: Ascom/ASPRECCE