Anticoncepcional interfere na libido?

258

anticonceptivoUma das perguntas é sobre a possível influência do anticoncepcional no desejo sexual feminino. Muitas mulheres reclamam que a pílula diminui a libido. Segundo o colunista do UOL, essa queixa é mais comum nos primeiros meses de uso.

Quando o problema persiste mesmo após a adaptação, a saída é trocar de anticoncepcional. Hoje existe uma gama extensa de produtos e métodos, e o que funciona para uma pessoa, pode não ser a melhor alternativa para outra. “Para cada mulher há um anticoncepcional, por isso não adianta pegar o da irmã ou da tia”, comenta.

Outra internauta do UOL quer saber se é normal o apetite sexual aumentar bastante durante o período menstrual, algo que acontece com ela. “A maior parte das mulheres não pode nem pensar em fazer sexo quando está menstruada”, diz. Jairo. Já para algumas, o desejo aumenta, às vezes até por não haver preocupação com gravidez. O colunista lembra, no entanto, que, embora não haja risco de engravidar, há o de contrair DSTs. “Por isso é fundamental usar camisinha”.

A última pergunta do programa é sobre fantasias sexuais. O internauta conta que, no início do casamento, ficava excitado quando a mulher contava sobre suas aventuras anteriores. Mas, de alguns tempos para cá, a companheira deixou de curtir a ideia. O casal até tentou uma casa de swing, mas não deu certo. Ele está frustrado com a vida sexual monótona que estão levando. Jairo sugere que tentar outras fantasias, ou situações que apimentem a relação pode ajudar. “Mas, às vezes, depender só da fantasia é complicado.”